Loading…

Sobre nós

O que é a ARCOV?

A ARCOV é uma Associação Recreativa, Cultural e Desportiva, com sede em Covas - Guimarães. São seus objectivos principais fomentar a cultura, o recreio e o desporto a todos os seus associados e familiares, sem fins lucrativos. É também organizar a Festa de São João em Covas. É constituída por 670 sócios dos quais 53% com menos de 30 anos, regida por estatutos próprios, aprovados em Diário da República, e agora também com estatuto de Utilidade Pública (Diário da República, II Série, n.º 117 de 22/05/90).

Como nasceu?

A ARCOV nasceu em resultado da fusão de dois grupos (Grupo Desportivo de Covas e Grupo de Festas de S. João), os quais eram constituídos em grande parte por elementos comuns. Depois de um processo que englobou grandes debates de princípios, chegaram a uma Associação com objectivos mais amplos e ambiciosos do que aqueles que tinham nos grupos. Assim nasceu a ARCOV, com data de fundação em 8 de Janeiro de 1975.

O que tem sido?

Inserida numa freguesia tão grande, e devido às tensões políticas regionais e nacionais, a Associação resistiu a fortes ataques de algumas camadas da população que, aproveitando-se da situação política, não pouparam a Associação, difamando-a perante as Entidades públicas e privadas.

Carenciada de estruturas de base, a ARCOV teve no início da sua vida, as actividades de Futebol de Onze e a Festa de São João como objectivos principais. Nestes primeiros anos, a ARCOV a nível de Futebol dito Popular, impôs-se no seu concelho como uma equipa ganhadora, conquistando quase todos os torneios em que participou. A nível da Festa de São João, chamou a si grandiosas festas com a participação de todos os artistas nacionais de top na altura, e a aderência de muitos milhares de forasteiros. Entretanto os seus sócios participavam em actividades de índole cultural e recreativo, bem como numa salutar convivência na sua sede social, ainda sem grandes condições. Nos princípios dos anos 80, o atletismo juntou-se ao futebol e também aí teve uma representação forte nas diversas provas em que participou.

Em 1984, a ARCOV filia-se na Associação de Futebol de Braga, depois de se investir em instalações desportivas fora da freguesia. Decorridos dois anos e a ARCOV subia de divisão. Pouco tempo depois dá-se a ruptura da filiação, devido a elevadas despesas que a Associação acarretava e a falta de infra-estruturas necessárias para se manter oficialmente. A desistência do atletismo também se verifica e a Associação entra numa fase de pouca actividade representativa.

O que está a ser?

Presentemente a ARCOV, dentro do seu âmbito, tem proporcionado aos seus sócios e familiares, manifestações culturais, recreativas e desportivas, entre outras, abrangendo todas as camadas etárias, e tem-se feito representar em actividades a nível concelhio, distrital e nacional.

Tem organizado várias provas quando solicitada por entidades representativas da região. Vive uma intensa actividade, explorando totalmente os seus recursos e atenta a investimentos para o bem estar dos seus Associados. A nível administrativo está a levar a efeito várias reformas, de modo a possuir mais e melhor informação.

É portanto uma Associação jovem, dinâmica e organizada com grande esperança no futuro.

 

O que será?

Herdando uma Associação que viveu tempos áureos, esta e outras Direcções têm apostado sobretudo em dois vectores principais: melhorar e dar a conhecer a imagem da Associação perante o grande público em geral e as Entidades oficiais em particular. Criar infra-estruturas materiais e humanas, de modo que a prática das suas actividades se faça nas devidas condições, para se atingir os objectivos estatutários. A imagem em grande parte foi já conseguida e partimos agora para a criação de infra-estruturas. O primeiro passo é a aquisição de equipamento social para o redimensionamento das condições de transporte e de espaço, de modo a permitir melhores condições de trabalho e convivência.